Notícias com a tag "operacao"

18/08/2017 08:49

Operação da PF investiga desvios de R$ 810 mil no Ministério do Esporte

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (18) a Operação Havana, que investiga uma suposta organização criminosa que atuou no Ministério do Esporte desviando recursos do programa Bolsa Atleta.

Segundo nota da PF, o grupo inseriu dados de atletas “fantasmas” nos sistemas da pasta com o objetivo de desviar dinheiro do programa.

As fraudes teriam ocorrido em 2012 e, segundo dados do Ministério do Esporte, pode ter chegado a R$ 810 mil, ou mais de R$ 1 milhão em valores atualizados,

A PF informou que no período de um ano, a suposta quadrilha conseguiu criar 25 atletas fantasmas, inclusive de alto rendimento e nível olímpico.

Estão sendo cumpridos seis mandados de busca e apreensão e seis mandados de condução coercitiva, todos em Brasília. Eles foram autorizados pela 10ª Vara da Justiça Federal no Distrito Federal.

Uma das pessoas responsáveis pelo desvios dos recursos era um servidor terceirizado do Ministério do Esporte.

O nome da operação se deve ao fato de que o líder e alguns membros da suposta quadrilha são brasileiros nascidos em Cuba.

bolsa atleta mapa

16/08/2017 09:31

Foto: Cleber Junior/Extra/Agência O Globo

Forças Armadas e policiais militares e civis fazem operação em Niterói

As Forças Armadas e policiais civis e militares fazem desde a madrugada de hoje (16) uma operação em comunidades de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro. O objetivo é cumprir 26 mandados de prisão preventiva, dois de apreensão de adolescentes e 34 de busca e apreensão.

O Exército e Marinha estão atuando com um efetivo de 2,6 mil homens, responsáveis pelo cerco de pontos estratégicos. Algumas ruas estão interditadas e os espaços aéreos controlados, com restrições para aviões civis, mas sem interferência nas operações dos aeroportos Santos Dumont e Internacional do Galeão.

Dois helicópteros, uma da Marinha e outro do Exército, e 33 blindados dão apoio às ações, além de 120 viaturas de transportes.

Toda a operação está sendo coordenada pelo Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova, no Rio,

Militar ferido

Um militar do Exército ficou ferido durante um tiroteio. O homem participava de uma ação na comunidade do Caramujo, quando se envolveu num tiroteio e acabou atingido na mão.

De acordo com a assessoria de imprensa do Exército, o ferimento não é grave. Mesmo assim, a vítima foi encaminhada para o hospital para ser avaliada.

15/08/2017 09:40

PF e Receita realizam operação contra lavagem de dinheiro

A Polícia Federal – em ação conjunta com a Receita Federal – cumpre hoje (15) mandados judiciais contra uma organização criminosa transnacional responsável pelos crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas. As empresas controladas pela organização movimentaram mais de R$ 5,7 bilhões de recursos ilícitos de 2012 a 2016.

Cerca de 300 policiais federais e 45 servidores da Receita Federal estão cumprindo 153 ordens judiciais expedidas pela 13ª Vara Federal de Curitiba, sendo dois mandados de prisão preventiva, 17 de prisão temporária, 53 condução coercitiva e 82 de busca e apreensão em várias cidades do Paraná, de São Paulo, do Espírito Santo, de Minas Gerais e Santa Catarina.

Segundo a PF, as investigações, que começaram em 2015, tiveram como alvo um “grupo criminoso composto de cinco núcleos interdependentes que utilizavam contas bancárias de várias empresas, em geral fantasmas, para receber vultosos valores de pessoas físicas e jurídicas interessadas em adquirir mercadorias, drogas e cigarros provenientes do exterior, especialmente do Paraguai”.

Agência Brasil

15/08/2017 08:34

PF cumpre 2 mandados de prisão e 9 de apreensão no RN

A Polícia Federal deflagrou nas primeiras horas desta terça-feira, 15, operação Anterus para apurar crimes de organização criminosa e obstrução da justiça que teriam sido cometidos pelo governador do Estado, Robinson Faria (PSD).

Cerca de 70 policiais cumprem 11 medidas judiciais –  duas de prisão e nove de busca e apreensão.

Os mandados foram expedidos pelo ministro Raul Araújo Filgo, da corte do Superior Tribunal de Justiça.

As manobras ilegais tinham por objetivo encobrir que fossem investigados atos do Governo do RN relativos ao desvio de recursos públicos por meio da inclusão de “funcionários fantasmas”, na folha de pagamento da Assembleia Legislativa entre os anos de 2006 até os dias atuais.

15/08/2017 08:15

PF cumpre mandado no prédio de Robinson Faria

A Polícia Federal esteve nas primeiras horas desta terça-feira, 15, no edifício onde moram o governador Robinson Faria, o deputado federal Fábio Faria e o prefeito Carlos Eduardo Alves.

Quatro viaturas chegaram ao edifício Enseada dos Corais por volta das 5h30, com as sirenes ligadas. Elas ficaram do lado de fora do prédio enquanto policiais adentraram no residencial.

Os policiais passaram pouco tempo no prédio. A presença deles no edifício deve ter sido para cumprimento de mandado de busca e apreensão. As informações dão conta de que as diligências aconteceram no apartamento do governador.

A reportagem tentou o contato com a Polícia Federal e também com a assessoria do Governo do Estado, mas as ligações não foram atendidas. Em breve, novas informações vão ser levadas ao ar.

Portal No Ar

08/08/2017 10:10

Investigados buscam delação premiada na ‘Cidade Luz’

para o portalnoar.com.br

Pelo menos três das quinze pessoas alvejadas pela Operação Cidade Luz estão em processo de colaboração com o Ministério Público do Rio Grande do Norte.

Elas depuseram preliminarmente e estão em fase de juntar indícios para entregar ao Ministério Público para celebrar delação premiada, onde serão fixados os benefícios a que terão direito.

Um dos nomes confirmados pela reportagem é o da servidora Kelly Patrícia, primeira a ter a prisão revogada pela Justiça. Procurada, sua defesa afirmou que não comentaria o caso.

Também foi confirmado o nome de Sérgio Epaminondas. A reportagem não conseguiu localizar sua defesa.

Estão presos preventivamente ainda os empresários Allan Emmanuel e Felipe Gonçalves de Castro.

Crise

Fontes ligadas ao caso confirmaram à reportagem que há explosivo material nas interceptações telefônicas, com citações diretas e responsabilizações a agentes políticos.

De acordo com o que foi apurado, as fraudes e a crise interna entre os membros da suposta associação criminosa se acentuaram entre 2015 e 2016 e tiveram pico durante as definições da eleição para presidente da Câmara de Vereadores de Natal.

Eleito presidente, Raniere Barbosa, também atingido pela operação, perdeu a influência que detinha sobre a Semsur no mesmo período em que o atual vice-prefeito, Álvaro Dias, se fortaleceu com o prefeito Carlos Eduardo Alves.

Nos bastidores, os grupos de Raniere e Álvaro Dias se digladiaram pela presidência da Câmara, com o vice-prefeito tentando drenar as forças de Raniere, em quem enxergava potencial adversário.

*Atualizada para correção de informações às 10h26

04/08/2017 08:19

Nova fase da operação Cidade Luz cumpre mandados em Caicó

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou na manhã desta sexta-feira (4) a operação Blackout, que investiga contrato de iluminação pública da Prefeitura de Caicó, no valor de R$ 1.138.970,00. A operação conta com a participação de 16 promotores de Justiça, além do apoio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPRN e do MPPE, e das Polícias Militares potiguar e pernambucana. Os elementos levantados na investigação demonstram que a associação criminosa atua de forma serial na prática de crimes como peculato, corrupção passiva, corrupção ativa, lavagem de dinheiro e fraude a procedimento licitatório. Ao todo foram 12 mandados de busca e apreensão em órgãos públicos, empresas e residências particulares e seis mandados de prisão, expedidos pelo juiz da vara Criminal de Caicó.

Pelo que foi apurado pelo MPRN, há indícios de superfaturamento e pagamento de propina a agentes públicos da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos do Município de Caicó, em contratos firmados para a prestação de serviços de iluminação pública. O secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos de Caicó, Abdon Augusto Maynard Júnior, cooptado pela associação criminosa antes mesmo de assumir a pasta, foi afastado do cargo por decisão judicial. Também foi afastada do cargo de diretora do departamento de Iluminação Pública de Caicó, Ruth de Araújo Ferreira, nomeada a serviço da associação criminosa para repassar informações privilegiadas.

A operação Blackout é um desmembramento da operação Cidade Luz, deflagrada no dia 24 de julho de 2017, que descortinou esquema criminoso nos contratos de iluminação pública realizados pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos do Município de Natal (Semsur), revelando indícios de ilícitos similares também nos contratos de iluminação pública do município de Caicó.

03/08/2017 08:59

Polícia Federal deflagra Operação Rio 40 Graus

A Polícia Federal deflagrou no início na manhã de hoje (3) a Operação Rio 40 Graus que tem como objetivo desarticular um esquema criminoso envolvendo o pagamento de propina a servidores públicos nas esferas federal e municipal envolvendo as obras do BRT Transcarioca e o do Programa de Despoluição da Bahia de Jacarepaguá.

A Operação, que faz parta da nova fase da Lava Jato no Rio de Janeiro, é realizada em conjunto com o Ministério Público Federal e a Receita Federal. Segundo informações da Polícia Federal o pagamento se dava a partir de simulação de pagamentos fictícios de advocacia e entrega de valores em espécie desviados das obras acima citadas.

A operação envolve 76 policiais federais com cumprimento de nove mandados de prisão preventiva, um mandado de prisão temporária, três mandados de condução coercitiva e 18 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo juiz da 7ª Vara Federal Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, Marcelo Bretas.

A operação se desenrola no Rio de Janeiro nos bairros do Recreio, de  Jacarepaguá e da Barra da Tijuca, na zona oeste da capital; no centro da cidade; em Copacabana e Botafogo, na zona sul; e em Vila Isabel, Tijuca e Rocha, na zona norte, e em Jacarepaguá, zona oeste. No grande Rio, há operações em Niterói Boa Viagem, Icaraí, São Francisco, Itaipu, Fonseca e Camboinhas; e em São Paulo, no Recife e em Petrolina (PE).

Em nota, a Polícia Federal informa que as investigações tiveram início há cerca de oito meses e indicam o pagamento de pelo menos R$ 35,5 milhões em vantagens indevidas a autoridades públicas e servidores públicos municipais pertencentes ao grupo criminoso. Um dos alvos da Operação é  o ex-secretário municipal de obras da prefeitura do Rio Alexandre Pinto  que segundo informações iniciais foi preso em sua casa, em Jacarepaguá, na zona oeste.

Agência Brasil

01/08/2017 12:00

Desembargadora analisa caso de Raniere e decidirá até sexta

para o portalnoar.com.br

A desembargadora Judite Nunes informou que está analisando o mandado de segurança com pedido de liminar impetrado pela defesa do vereador Raniere Barbosa, presidente afastado da Câmara Municipal de Natal.

A magistrada deverá decidir sobre o caso até sexta-feira (4), apurou a reportagem.

A magistrada foi procurada pela reportagem para ser questionada sobre se pretende pedir parecer do Ministério Público do Estado antes de conceder ou negar o pedido de Raniere, que quer voltar ao seu mandato.

A magistrada afirmou que tal manifestação, para que o MP se pronuncie, dependerá da análise que fizer do processo.

Mandado de segurança deve ser invocado contra ilegalidade ou abuso cometido por autoridade pública. Nesse caso, a defesa de Raniere alega que houve excessos no afastamento do vereador.

A despeito de a desembargadora não ter respondido objetivamente a pergunta da reportagem, a lei que disciplina o mandado de segurança prevê que o Ministério Público seja ouvido.

31/07/2017 11:41

Denúncia da ‘Cidade Luz’ será fatiada; primeira parte sai nesta semana

para o portalnoar.com.br

O Ministério Público do Rio Grande do Norte deverá denunciar nesta semana pelo menos duas pessoas na Operação Cidade Luz.

Preso preventivamente, Allan Emmanuel Ferreira e Felipe Gonçalves de Castro deverão ser denunciados. Na semana passada, o MP antecipou que são crimes apurados na investigação associação criminosa, corrupção passiva, ativa e peculato.

A denúncia deve ser apresentada até a quarta-feira (2), quando vence o prazo de dez dias previsto em lei para apresentação de denúncia contra réu preso.

Os demais investigados deverão aparecer ser denunciados posteriormente. Apesar do usual ser a denúncia contra todos os envolvidos, algumas investigações, pela complexidade de elementos exige aditamentos.

Os demais investigados deverão ser incluídos após a averiguação do material apreendido pelo Ministério Público na segunda-feira da semana passada, data de deflagração da operação.

Uma investigação do MPRN que funcionou nesse regime foi a Operação Sinal Fechado, cuja denúncia chegou a ser aditada seis vezes para inclusão de novos personagens.

Dinarte Assunção

Biografia Dinarte Assunção é jornalista formado pela UFRN. Atuou em redações como repórter de cotidiano, economia e política. Foi comentarista político da TV Ponta Negra. Atualmente é reporter do Portal No Ar e compõe a equipe do Meio Dia RN, na 98 FM. É autor do livro Sobre Viver - Como Venci a Depressão e as Drogas. Nas horas vagas, assa panquecas.

Descrição Ponto ID é um blog para noticiar o que importa. E nada mais.