Notícias com a tag "delacao"

15/04/2017 05:15

Delator discrimina valores repassados diretamente para Robinson e Fábio Faria

O ex-diretor da Odebrecht Ariel Parente relatou em delação premiada uma nova circunstância do pagamento de ‘caixa 2’ envolvendo o governador do Estado, Robinson Faria, e o deputado federal Fábio Faria, na campanha de 2010, quando Robinson postulava vaga a vice em chapa com Rosalba.

::: VEJA AQUI O VÍDEO DA DELAÇÃO :::

Na quarta, o ministro Edson Fachin autorizou abertura de inquérito contra os três por terem, de acordo com os delatores, se beneficiado de R$ 450 mil.

A procuradores do Rio Grande do Norte, Parente detalhou uma reunião com Robinson e Fábio até então desconhecida no noticiário.

Segundo seu relato, em 2010, ele foi procurado por um interlocutor da família Faria, de quem não se recorda o nome, para uma conversa com o então candidato a vice e o deputado federal.

“Essa conversa se deu na casa deles. Eu conversei com os dois, e eles solicitaram ajuda de campanha. Solicitaram ajuda de campanha para eleição de 2010”, disse Parente.

Ele narrou ainda que levou os pleitos de ambos ao coordenador regional da Odebrecht no Nordeste, João Pacífico, que autorizou o repasse de R$ 100 mil para cada.

Segundo Ariel, a senha foi dada para que dinheiro fosse sacado numa casa de câmbio em São Paulo, já que a de Recife que era utilizado para pagar propinas não tinha dinheiro suficiente em época de eleição.

Ainda de acordo com o delator, a ajuda para Robinson foi a partir da projeção de que ele seria mais forte que Rosalba. O delator, no entanto, diz que o então vice não o ajudou em nada depois de eleito.

No sistema do departamento de propinas, segundo Parente, “Bonitão” era o codinome do governador Robinson Farinha; “Bonitinho”, Fábio.

15/04/2017 05:08

Garibaldi negociou seu próprio ‘caixa 2’, acusa delator

Em depoimento a procuradores da República no Rio Grande do Norte, em dezembro passado, o ex-diretor da Odebrecht Ariel Parente, relatou que, das tratativas de que ele participou, os repasses para o senador Garibaldi Filho  foram considerados um investimento da construtora, pois sua influência poderia ser útil no futuro.

::: VEJA AQUI O VÍDEO DA DELAÇÃO :::

“João Pacífico (chefe da Odebrecht para o Nordeste) veio a Natal e tivemos reunião na casa de Garibaldi. Lá, pacífico relatou que iríamos contribuir com R$ 200 mil, que foram pagos em duas parcelas”, explicou Parente.

“O senador agradeceu, indicou um interlocutor para operacionalizar, que eu não recordo o nome. Alguém com nome de Leopoldo ou Lindolfo, alguma coisa assim… Era um nome parecido com esse.”

Segundo o delator, o interlocutor do senador foi informado sobre as datas de pagamento. “Não me recordo se o recebimento foi em casa de câmbio em Recife ou São Paulo”.

Nas planilhas, o senador tinha o codinome de “Lento”.

15/04/2017 04:10

O que dizem em sua defesa os potiguares citados

Desde que as revelações dos delatores da Odebrecht vieram a público, envolvendo potiguares, negativas foram distribuídas à imprensa.

O governador Robinson Faria afirmou que ainda não teve acesso ao teor da denúncia, “mas quero deixar claro que minha postura é de serenidade e consciência tranquila. Estou pronto para prestar os esclarecimentos que venham a ser necessários à Justiça”.

O senador Garibaldi Alves Filho informou que o ministro Edson Fachin não autorizou abertura de inquérito contra ele, que tem mais 70 anos e tem direito à extinção da punibilidade. Antes disso, informara que disponibiliza seus sigilos.

O deputado federal Fábio Faria afirmou que “Como é dever de todo e qualquer homem público e com confiança nas instituições do nosso país, prestarei todos os esclarecimentos à Justiça e ao Ministério Público para provar minha inocência em relação às acusações ora apresentadas”.

A ex-governadora Wilma de Faria está internada em tratamento de saúde e vai se manifestar quando tiver alta, informou durante a semana sua assessoria de imprensa.

Henrique Eduardo Alves, sobre a suposta propina nas obras de Tabuleiros Litorâneos, afirmou que as acusações são falsas e mentirosas, o que será mostrado ao longo do processo.

A reportagem ainda não conseguiu contato com o procurador-geral do Município, Carlos Castim, e o ex-chefe do Gabinete Civil do governo Wilma, Carlos Faria.

Dinarte Assunção

Biografia Dinarte Assunção é jornalista formado pela UFRN. Atuou em redações como repórter de cotidiano, economia e política. Foi comentarista político da TV Ponta Negra. Atualmente é reporter do Portal No Ar e compõe a equipe do Meio Dia RN, na 98 FM. É autor do livro Sobre Viver - Como Venci a Depressão e as Drogas. Nas horas vagas, assa panquecas.

Descrição Ponto ID é um blog para noticiar o que importa. E nada mais.

Mais lidas